Alimentos para aumentar a imunidade

3 anos atrás  Por  Equipe Natue     Sem Comentários

Vitamina C

Gripes frequentes, resfriados, febre, náuseas, cansaço e pequenas infecções podem ser sintomas de um sistema imunológico fraco. A alimentação desempenha um papel muito importante na imunidade, pois as reações do sistema imune também necessitam de energia e de vários nutrientes, que atuam na formação das células e de outras substâncias envolvidas no sistema de defesa. O que fazer para aumentar a imunidade? Confira aqui!


style="display:block; text-align:center;"
data-ad-layout="in-article"
data-ad-format="fluid"
data-ad-client="ca-pub-7878685036491382"
data-ad-slot="6234138731">

Imunidade baixa: causas

  • Má alimentação, com dieta rica em açúcares, principalmente o refinado, pois esses interferem na capacidade das células brancas do sangue (defesa) de destruir as bactérias.
  • O consumo de álcool interfere em várias respostas imunológicas e pode estar ligado a certas infecções e até a algumas formas de câncer.
  • O elevado consumo de gorduras ruins, como a gordura trans, reduz a atividade das células protetoras e prejudica a resposta imunológica. Priorize gorduras benéficas, como o azeite de oliva e as oleaginosas.
  • Baixo peso ou obesidade estão associadas a um sistema imunológico debilitado. A obesidade aumenta o risco de infecções e dietas hipocalóricas, com poucos nutrientes, enfraquecem as defesas naturais do organismo.
  • Exercícios físicos regulares fortalecem o sistema imunológico, aumentando a atividade das células protetoras. Entretanto, exercícios muito intensos e prolongados podem aumentar o risco de infecções em curto prazo.
  • O estresse pode debilitar as defesas do corpo, aumentando também as chances de infecções. Controlar o estresse do dia a dia é primordial.

Como aumentar a imunidade?

O consumo de alimentos para aumentar a imunidade é uma das formas mais eficazes para o bom funcionamento do sistema imunológico:

Vitamina C: uma das principais vitaminas para imunidade, pode aumentar a produção das células de defesa, que tem efeito direto sobre as bactérias e vírus, ampliando assim a resistência a infecções. Está presente em alimentos como goiaba, pitanga, agrião, caju, espinafre, fruta-do-conde, melão, frutas cítricas (kiwi, limão, acerola, laranja, abacaxi), couve, brócolis, tomate e pimentão amarelo. Condimentos: açafrão, coentro, cravo-da-índia, gengibre, páprica, salsa e tomilho.

Vitamina E: atua em conjunto com a vitamina A, vitamina C e com o selênio, agindo como antioxidante, o que retarda o envelhecimento. Está presente no gérmen de trigo, óleos de soja, arroz, algodão, milho e girassol, abacate e gema de ovo. Condimentos: açafrão, louro, manjericão, manjerona, orégano e pimenta.

Vitamina A: tem ação anti-inflamatória. Está presente na cenoura, abóbora, espinafre cozido, melão, brócolis, mamão, manga, aspargo, pêssego, beterraba, alho, alho-poró, broto de bambu, lentilha, melancia, banana, caqui, gema de ovo, damasco e cereja. Condimentos: alecrim, coentro, cravo-da-índia, louro, manjericão, manjerona e pimenta.

Vitamina B6: pode aumentar a imunidade geral do organismo. Tem ação protetora contra o câncer e ajuda a controlar alguns tipos de diabetes. Está presente no levedo de cerveja, lentilha, arroz integral, semente de girassol, soja, gérmen de trigo, banana, cenoura, abacate, melão, vísceras, peixe, frango, gema de ovo, nozes. Condimentos: alho, cebola, gengibre, manjericão, orégano, páprica e pimenta.

Selênio: antioxidante, imunoestimulante, desintoxicante e anti-inflamatório. Frutos do mar, vísceras, alho, cebola, milho, cereais integrais (como aveia e quinoa), cogumelo, levedo cerveja, castanha-do-pará e ovos caipiras são alguns exemplos de alimentos para imunidade. Condimentos: alho, coentro, gengibre e salsa.

Zinco: atua na reparação dos tecidos e na cicatrização de ferimentos. Está presente na aveia, ostra, leite, gema, frutos do mar, espinafre, sementes de girassol e cogumelo. Condimentos: cominho, gengibre, manjericão e papoula.

Ferro: a deficiência de ferro pode causar diminuição das respostas imunológicas por reduzir o número de células responsáveis pela proteção do organismo. Onde encontrar: carnes vermelhas, leguminosas, couve, brócolis, catalonha. Quando associado com a vitamina C, o ferro tem maior absorção.

Probióticos: são micro-organismos vivos que atuam na microbiota intestinal. Uma microbiota saudável pode melhorar a digestão e a absorção de nutrientes, além de fortalecer a defesa do organismo contra infecções. São encontrados normalmente em alimentos fermentados, como os iogurtes, e em suplementos.

Prebióticos: são as fibras alimentares, que servem de “alimentos” para os probióticos, estimulando o seu crescimento. Além disso, melhoram o funcionamento intestinal, contribuindo para a saúde do organismo como um todo. São encontrados nas cascas dos alimentos, em vegetais, frutas, legumes, alho, cebola, tomate e em produtos farmacêuticos industrializados.

Lembre-se que manter uma alimentação variada e equilibrada é essencial para a manutenção do sistema imunológico.


style="display:block; text-align:center;"
data-ad-layout="in-article"
data-ad-format="fluid"
data-ad-client="ca-pub-7878685036491382"
data-ad-slot="6234138731">

Summary
Article Name
Veja os melhores alimentos para imunidade
Author
Description
Saiba quais alimentos turbinam a imunidade e fuja de viroses, gripes e resfriados!
NATUELIFE
x