Cafeína: conheça mais sobre esse estimulante natural

9 meses atrás  Por  Equipe Natue     Sem Comentários

shutterstock_520086751

A cafeína é uma substância química encontrada em sementes, frutos e até folhas de algumas plantas, como chá verde, chá preto, guaraná, erva mate e também no cacau.

É amplamente utilizada em todo o mundo e seu consumo deve ser no máximo 400 a 450mg por dia, que equivale aproximadamente a 3 xícaras de 150 ml de café (para indivíduos que não apresente nenhuma contraindicação), isto porque o café é um potente estimulante do sistema nervoso central, onde o alto consumo provocam alterações biológicas e fisiológicas podendo levar a déficit cognitivo, depressão, fadiga, comprometer função cardiovascular, dor de cabeça e dependência física.

style="display:block; text-align:center;"
data-ad-layout="in-article"
data-ad-format="fluid"
data-ad-client="ca-pub-7878685036491382"
data-ad-slot="6234138731">

Como a cafeína age no organismo?

A cafeína promove diversos benefícios para o organismo, sendo reconhecida por sua ação estimulante e energética, reduzindo o sono e a fadiga, além de aumentar a disposição.

Cafeína e dor de cabeça

A cafeína apresenta um efeito analgésico e pode ser útil na melhora de dores de cabeça, pois impede a liberação e formação de substâncias inflamatórias que promovem as dores de cabeça, podendo auxiliar no tratamento da enxaqueca.

Seu uso, porém, deve ser feito com moderação, já que em excesso pode provocar justamente o efeito contrário, favorecendo dores e prejudicando o tratamento.

Cafeína emagrece?

A cafeína compõe vários suplementos alimentares devido ao seu efeito termogênico, que pode contribuir para perda de peso, queima de gordura e por aumentar a capacidade física durante os treinos, retardando a sensação de fadiga. Ela pode promover a perda de peso por:

  • Seu efeito termogênico e diurético;
  • Promover a lipólise (utilização de gordura como fonte de energia);
  • Proporciona energia para realização de atividades físicas e do dia-a-dia.

O uso da cafeína para o pré-treino em pelo menos 30 minutos é muito válido e com resultados significativos para quem quer manter a disposição por mais tempo.

Quais são os efeitos da cafeína?

O efeito da cafeína altera de acordo com a frequência de consumo e quantidade ingerida. Entre eles, temos os efeitos benéficos listados abaixo: 

  • Aumento do estado de vigília e sensação de alerta
  • Aumento da sensação de bem-estar
  • Diminuição da fadiga
  • Redução da dor de cabeça

Cafeína: contraindicações

O consumo acima da dosagem indicada por trazer alguns efeitos desagradáveis, como:

  • Aumento da secreção gástrica
  • Aumento do refluxo gastroesofágico
  • Risco de aborto
  • Sensação de ansiedade
  • Angústia
  • Alteração do sono
  • Alteração da pressão arterial

O consumo da cafeína é contraindicados para pessoas hipertensas, pois pode elevar a pressão, em pacientes com ulceras digestivas ou no duodeno, em casos de problemas de ansiedade, pânico e insônia, e também em conjunto com alguns medicamentos, pois pode diminuir a absorção do mesmo. Em caso como estes o acompanhamento com o médico e nutricionista se faz importante.

style="display:block; text-align:center;"
data-ad-layout="in-article"
data-ad-format="fluid"
data-ad-client="ca-pub-7878685036491382"
data-ad-slot="6234138731">

Summary
Article Name
Cafeína: um pouco desse estimulante natural
Author
Description
Entenda quais os principais efeitos da cafeína para saúde e como consumir, seja como alimentos ou suplementação
NATUELIFE
x