Ectomorfo, mesomorfo ou endomorfo: você conhece o seu biótipo?

2 anos atrás  Por  Equipe Natue     Sem Comentários

mulher_duvida_capa

Você sabia que para alcançar melhores resultados, o treino e a dieta devem respeitar o seu tipo físico? Para descobrir qual é o seu, existe uma classificação chamada somatotipos, que considera informações como a estrutura física, gênero e características morfológicas. São três biótipos, veja:

Ectomorfo (magro)

É o corpo longilíneo, com pouca gordura corporal e dificuldade para ganhar peso. Tem metabolismo acelerado, pouco músculo e possui ossos mais longos e finos. Por isso, o treino para quem é ectomorfo deve priorizar a musculação, com uma carga maior de peso, sempre orientado por um educador físico que irá indicar as melhores séries e tempo de recuperação para estimular o ganho de massa.

A alimentação do ectomorfo deve ser variada e equilibrada, para suprir às suas necessidades energéticas. O ganho de músculos é favorecido com o uso de suplementos para ganhar massa muscular, como o whey protein ou proteína vegetal. O consumo de carboidratos ajuda a melhorar o desempenho no treino, já que oferecem mais energia e poupam o uso das proteínas para o crescimento muscular.

Os suplementos hipercalóricos ajudam a complementar a alimentação e são indicados para o ganho de peso, já que combinam carboidratos, proteínas, vitaminas e minerais. Além disso, as creatinas podem ajudar a aumentar a força e os músculos, melhorando o ganho de massa magra.

Mesomorfo (músculo)

Sua principal característica é a facilidade para ganhar músculos. Esse somatotipo é mais robusto, com ombros largos, pernas e braços grossos, rosto longo e largo, além da estrutura abdominal mais firme. O melhor treino é aquele que mantém ou define os músculos, aliando musculação e aeróbios. Um profissional capacitado irá indicar um treino mais intenso e pesado, de acordo com os limites de cada um.

Assim como os demais biótipos, o mesomorfo deve priorizar alimentos saudáveis e seguir uma dieta equilibrada. Proteínas de alto valor biológico, carboidratos complexos (com baixo índice glicêmico) e gorduras boas devem fazer parte do cardápio. O whey protein composto por proteínas isolada, concentrada e hidrolisada é um dos suplementos que devem fazer parte da dieta do mesomorfo para complementar às suas necessidades diárias de proteína. O carboidrato, como a maltodextrina, é importante para ajudar na recuperação muscular

Endomorfo (gordura)

Tem maior acúmulo de gordura na sua composição corporal, por isso apresenta quadril mais largo que os ombros, gordura localizada, principalmente, na região abdominal e quadril, flacidez, membros superiores e inferiores mais grossos e metabolismo mais lento. Devido à dificuldade para perder peso e ganhar massa muscular, o endomorfo deve priorizar treinos aeróbicos, intervalados e com alta intensidade, na esteira, bike ou transport, por exemplo.

Pela facilidade em acumular gordura, o endomorfo deve manter uma dieta balanceada, evitando a ingestão excessiva de calorias. Fracionar as refeições para manter o metabolismo sempre ativo também é importante. Se o objetivo é a hipertrofia, recomenda-se diminuir a ingestão de gordura e priorizar as proteínas, sempre com acompanhamento de um nutricionista.

Endomorfos que querem emagrecer podem utilizar termogênicos, como cafeína, óleo de cártamo e chá verde. Os suplementos à base de proteínas são indicados no caso de hipertrofia.

Summary
Article Name
Ectomorfo, mesomorfo ou endomorfo: você conhece o seu biotipo?
Author
Description
Para alcançar melhores resultados nos treinos, você deve conhecer o seu biótipo. Clique e saiba qual é o seu!

Categorias -

NATUELIFE
x