Tudo bowl: comida servida em tigelas é a nova tendência

5 meses atrás  Por  Equipe Natue     Sem Comentários

bowl

Reparou que fotos de cumbucas com uma variedade de ingredientes dispostos de forma harmônica são cada vez mais frequentes nas redes sociais?

A nova tendência gastronômica da comida servida no bowl, famosa tigela em português, está dominando os restaurantes, especialmente os saudáveis.

Esqueça os pratos tradicionais e brancos, comidas na tigela podem te ajudar a comer melhor.

DE ONDE VEM A INSPIRAÇÃO DOS BOWLS?

A tradição de comer em tigelas é milenar no Oriente, onde a tradição mais pura diz que deve-se comer direto da tigela, sem passar a comida por um prato.

De uns tempos para cá, a moda dos pokes, prato de origem havaiana que é uma espécie de temaki no pote, foi o que realmente espalhou essa maneira de servir os alimentos.

O estilo de vida agitado das cidades grandes, permite pouco tempo para sentar e fazer uma refeição.

O modelo de alimentação de “pegar e levar” cresce cada vez mais, junto vem a tendência dos bowls devido sua praticidade na hora de preparar e comer.

POR QUE COMER EM TIGELAS?

Deixando de ser exclusividade do café da manhã, as tigelas passaram a acompanhar também outras refeições.

Com versões salgadas e doces, podem ser servidas em um brunch, no almoço, lanches intermediários e jantar.

Esse tipo de louça ajuda a controlar a quantidade das porções e faz com que você preste atenção em tudo o que está comendo. Geralmente são compostas por combinações saudáveis, além de serem versáteis e servirem qualquer comida.

Sua montagem faz com que os ingredientes fiquem em uma disposição “aconchegante” que desperta sensação de conforto, diferente dos pratos sem graça.

Também acomodam bem na mão, sendo fáceis de transportar e comer em pé.

Típica comida que nos faz comer com os olhos, apresenta uma combinação harmoniosa que além de cativar pela aparência, possuem grande potencial fotográfico.

SUPERBOWLS

Conhecidos também como bali bowls ou buddha bowls, surgiram na Indonésia e viraram moda na Califórnia pela população saudável.

São bowls que oferecem de uma vez só grande quantidade de fibras, minerais, nutrientes, antioxidantes e vitaminas, devido sua composição.

Para ser considerado um superbowl, o prato deve conter:

  • duas porções de gorduras boas
  • frutas
  • proteína
  • fibras
  • superfoods

Principais fontes alimentares:

Opções de gorduras boas: avocado, coco, oleoginosas, leites vegetais;

Opções de frutas: açaí, pitaya, morango e frutas vermelhas são muito utilizadas por serem ricas em antioxidantes;

Opções de fibras: chia, linhaça, psyllium ou farelos;

Opções de proteína: whey protein ou proteína proveniente de ervilha ou arroz;

Opções de superfoods:  além de serem antioxidantes, dão beleza à cumbuca. Algumas opções são: nibs de cacau, canela, cardamomo, cúrcuma, goji berry, chia, lascas de coco e matcha.

Que tal montar seu próprio bowl?  No site da Natue, você pode encontrar uma variedade de produtos que vão deixar ele mais colorido e saudável.

Summary
Article Name
Tudo no bowl: comida servida em tigelas é a nova tendência
Author
Description
Reparou que fotos de bolws de comida são cada vez mais frequentes nas redes sociais? Confira mais sobre essa tendência e aprenda como montar um superbowl.
Menu Blog
x